P0013502a

Agrião da Terra

É uma planta conhecida, boa para saladas. Deve-se usá-la crua, porque, quando cozida, suas propriedades medicinais se perdem.O agrião contém um óleo essencial, iodo, ferro, fosfato e alguns sais.Seu uso prolongado tem eficaz efeito depurador do sangue e antiescorbútico. Emprega-se também como ótimo remédio contra a atonia dos órgãos digestivos; como estimulante no escorbuto, escrofulose e raquitismo; como diurético nas hidropisias, nas enfermidades das vias urinárias, nos cálculos; como expectorante nos catarros pulmonares crônicos; como desopilante do fígado. Tomam-se, diariamente, 3 a 4 colheres de sopa de suco de agrião puro ou diluído em água.O agrião convém aos diabéticos, porque encerra poucos princípios amiláceos.Aplicado, em cataplasma, sobre úlceras, apressa sua cicatrização.Em resultado de algumas experiências, atribuem-se ao agrião propriedades antídotas dos efeitos tóxicos da nicotina.O suco desta planta, misturado com mel, dá um bom xarope para combater a bronquite, tosse, tuberculose pulmonar.Os que sofrem de ácido úrico, em virtude de terem comido muita carne, especialmente carne de porco, toucinho, salsichas, etc, devem comer diariamente uma salada de agrião.